terça-feira, fevereiro 25, 2020
Siga-nos

Gerais

Gerais

Investigador do CECS (UMinho) ministrou uma palestra na Escola Básica António Feijó, no âmbito do dia Internacional da Internet Segura, intitulada “Ser jovem, hoje! Desafios, problemáticas e consequências na era das redes sociais digitais”, tendo como público-alvo jovens dos e 2º 3º ciclos do ensino básico. O investigador orientou um total de quatro sessões, que decorreram ontem, dia 11 de fevereiro, Dia Internacional da Internet Segura 2020. Esta data tem como objetivo alertar para os vários perigos dos usos da Internet. Em cerca de 170 mil jovens inquiridos num estudo com participantes de 30 países e levado a cabo pela UNICEF, a jovens com idades compreendidas entre os 13 e os 24 anos, um em cada cinco diz já ter faltado à escola devido ao ciberbullying e à violência. Quase 75% dos casos de cyberbullying aconteceram em redes sociais como o Facebook, o Instagram, o Snapchat e o Twitter. Estes são os locais mais frequentes “onde acontece o bullying online”. Mas o cyberbullying é apenas um tipo de ameaça. Existem mais tipos, e todos eles são considerados cibercrimes: crimes contra a confidencialidade, integridade e disponibilidade de dados e sistemas informáticos; crimes relacionados com sistemas informáticos; crimes relacionados com o conteúdo e com práticas de chantagem; crimes praticados contra direitos de autor e direitos conexos; crimes de perseguição digital (ciberstalking); e crimes de incitação ao suicídio e à autoflagelação.
Esta iniciativa decorreu de um convite do grupo 550-Informática, do Agrupamento de Escolas António Feijó, ao investigador do CECS Pedro Rodrigues Costa, que estuda a temática da Internet e das redes sociais digitais.

Gerais

IMG 20200117 153955Decorreu nos dias 16 e 17 de janeiro, no Auditório Rio Lima uma palestra, denominada "Educar para o Direito", dinamizada pela advogada Paula Varandas, a criadora do projeto “Educar para o Direito” que visa, por meio de palestras direcionadas a escolas e ou institutos, a sensibilização dos jovens em relação ao crime e face às suas erradas condutas, tendo realizado mais de 500 palestras pelo continente e ilhas. O projeto nasceu na sequência da constatação nos Tribunais de um crescente número de jovens que, na sequência da prática de ilícitos criminais e perante essas suas condutas, apresentam, por norma, um circunstancialismo de quem não sabia ou não tinha consciência das consequências de tais atos, nomeadamente para o seu próprio futuro. Os temas que, dentro do Direito, são objeto de exposição e debate são os entendidos como os mais prementes na atualidade, como a violência no namoro, bullying, ciberbullying, droga, injúrias, ameaças, furto e roubo.
Foram organizadas quatro sessões, com a participação dos alunos dos quatro agrupamentos do concelho, entre os quais 8 turmas da Escola Básica António Feijó.
As sessões,  uma iniciativa da CPCJ de Ponte de Lima, revelaram-se muito participadas e interessantes, conquistando a atenção do público.

Gerais

AFC Aulas A La CarteA atividade "Aulas À La Carte", que decorreu na Escola B´sica António Feijó no primeiro período letivo, mereceu novamente honras de publicação no site da Direção Geral de Educação, dedicado à Autonomia e Flexibilidade Curricular.

No corrente ano letivo, as "Aulas À La Carte" terão ainda outra edição, na semana de 2 a 6 de março de 2020.

Gerais

IMG 20191120 110142Informa-se a comunidade educativa que a entrega da avaliação dos alunos da Escola Básica António Feijó, relativa ao 1.º Período letivo, terá lugar nos seguintes dias e horas:

2.º Ciclo do Ensino Básico
Terça-feira, dia 7/01/2020, às 18h30

3.º Ciclo do Ensino Básico
Quarta-feira, dia 8/01/2020, às 17h30

Gerais

IMG 20191217 101049De uma forma transversal, as escolas do Agrupamento António Feijó assinalaram a época natalícia com diversas atividades, tanto de cariz solidário, artístico ou festivo. A festa de Natal foi um dos elementos centrais nestas celebrações, envolvendo os alunos e respetivos docentes.

Entrar ou Registar-se